Meditação da força ancestral, árvore da Vida


Mulheres poderosas, hoje trouxe uma meditação especial para presentear todas nós e nos convidar a honrar nossas raízes, nos fortalecer e nos nutrir através delas.


Espero que gostem e que utilizem, pois fui inspirada para inspirar a potência que existe em nós e despertar o amor incondicional.


Chame seu nome por sua voz interior dentro de tudo que é, de tudo que se desfaz e se refaz em você a cada respiração.

Inspire profundamente e visualize um pequeno ponto de luz entre suas sobrancelhas.

Expire lenta e profundamente e solte cada tensão do seu corpo. Perceba sua cabeça e pescoço e solte as tensões.

Inspire lentamente e visualize o ponto de luz se expandindo cada vez mais e envolvendo toda sua cabeça.

Solte o ar e as tensões dos ombros, braços e costas, dissipando qualquer preocupação.

Inspire e sinta seu peito e suas costelas se moverem na expansão enquanto a luz envolve agora a cabeça e o tronco.

Expire percebendo agora suas mãos e delas saem um calor e uma energia potente e curadora.

Inspire e Expire no seu ritmo, com sua atenção voltada para seu ventre nesse momento.

A luz se expande envolvendo as pernas, o quadril e todo o corpo, dissolvendo qualquer tensão.

Relaxe e sinta essa luz te envolvendo e transmitindo uma energia leve e clara.

Do centro do seu útero visualize uma semente que desperta pouco a pouco de seu sono profundo e cresce lentamente.

Dessa semente saem raízes escuras como a terra que se delongam e afinam crescendo em direção ao centro da terra.

Você está ligada à terra através dessas raízes.

Reconheça cada uma delas enredadas e entrelaçadas entre si, se espalhando ao seu redor e indo ainda mais fundo em direção ao centro da terra.

Dê nome a essas raízes, elas são sua mãe e seu pai, seus avós paternos e maternos, seus bisavós e tataravós.

Suas raízes são únicas, fortes e resistentes. Elas te nutrem e é por causa delas que a vida chega até você.

Ouse pronunciar seus nomes, cada um deles na sua consciência.

Mesmo daqueles que você não conheceu em vida, eles são seus guardiões e sua força interna que atravessa o tempo e os espaços da terra por onde você andar.

Veja como cada raíz se apresenta com suas próprias características e suas cores e formas, texturas e intensidades, movimentos e vibração.

Sinta que através delas a força mais poderosa que existe se renova na sua existência, a força poderosa do amor.

Nutra-se desse amor infinito e incondicional, sem julgamentos. Permita que esse amor vibre em você sem qualquer exclusão do jeito que você pode receber e tomar para si.

Beba do cálice da fonte cristalina desse amor ilimitado e abundante.

É nessa nutrição que sua força maior cresce e dá lugar ao verde vivo de seus ramos.

Você é essa grande árvore, tronco e membros, folhas e galhos frondosos e vibrantes desse amor.

Veja como esse amor se multiplica através de você dando flores exuberantes e sinta o perfume que elas exalam ao seu redor.

Veja como essas flores se transformam em frutos e cada um deles são a sua criação, seus sonhos e possibilidades, seus projetos e habilidades sendo preparadas para serem oferecidas ao mundo.

Sinta que um desses frutos maravilhosos está agora se aproximando da maturidade, se preparando para se desprender da grande árvore e continuar a expressão de toda essa força beleza que vem de você.

Os segredos e mistérios contidos nesse fruto e semente que crescem e amadurecem para se desenvolver no mundo.

Você está pronta, esse fruto é seu bebê que também está se aprontando para o momento de nascer.

Você aguarda o tempo certo desse amadurecimento sem pressa, sem ansiedade, respeitando a sabedoria da natureza que habita em vocês.

Está tudo certo. É seguro e acolhedor esse momento de vir ao mundo e vocês dois sabem exatamente o que fazer.

Vocês trabalham juntos nesse nascimento porque se escolheram um ao outro para compartilhar dessa dádiva de viver um único amor.

Um amor que se multiplica, que é grandioso e sublime. Sinta esse amor vibrando em todas as suas células, em cada gota de sangue do seu corpo.

Agora volte sua atenção para sua respiração novamente e sinta o ar entrando e sendo aquecido em suas narinas.

Expire em profundo relaxamento e comece a perceber novamente seus pés, suas pernas e seu quadril.

Com uma respiração suave, você sente seu abdômen preenchido de amor, seu umbigo como um testemunho da sua ligação com todas as suas ancestrais, as mulheres fortes e sábias que transmitiram a você a dádiva da fertilidade.

Sinta gratidão pela existência de todas elas e de todos os homens que tornaram possível que a vida seguisse seu fluxo adiante na sua família.

Respire profundamente e saiba que o cordão umbilical do seu bebê em desenvolvimento é a ligação que nutre, que transporta oxigênio e energia com todo o amor que veio se multiplicando geração após geração até que vocês possam viver essa ligação tão fina agora.

A placenta, esse órgão único que se desenvolve no seu útero especialmente nessa condição geradora de vida é uma representação dessa árvore da vida também.

Inspire e expire sentindo esse amor nutrindo seu bebê através do seu corpo, envolvendo todo seu útero. Aos poucos comece a mexer as pontas dos dedos, respirando consciente de todo seu corpo e em silêncio apenas perceba sua respiração...

Quando estiver pronta comece a movimentar seu corpo, movimente as pálpebras dos olhos e desperte.

Você está aqui, agora.


Comente aqui o que você achou?


30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo