O amor que tudo pode


Olá passarinhas, desejo que estejam bem.


Faz alguns dias que não compartilhava uma canção por aqui. Eu estou vivenciando esse finalzinho de ano de uma forma especial, está sendo bem intenso de atividades nas minhas atribuições por este motivo novembro foi um mês de eu escutar o silêncio.

Mas a vida segue e cá estou novamente, com novidades e muita música boa para apresentar pra vocês.


A canção de hoje diz que tudo nessa vida tem um porquê, que até mesmo as maiores tempestades que estamos sujeitas a atravessar tem uma missão na nossa vida, nos auxiliar a crescer, a se superar, a se reinventar e se reconhecer mais forte depois de tudo.


Este ano de 2020 tem sido assim, cada dia é um dia, cada desafio é novo e acredito que nem nos reconhecemos mais na nossa antiga zona de conforto, todos nós tivemos que nos movimentar internamente.


Não estamos sozinhos nessa viagem, e cada um de nós está vivendo 2020 do jeito que pode, que consegue. Mas eu pude sentir nesse ano a parceira de muitas pessoas, o apoio e incentivo de vários amigos que quando eu precisei fizeram eu perceber que eu não cruzei este ano sozinha.


Abrir o coração para o novo e aceitar com serenidade o que não podemos mudar, nos dá condições de espalharmos otimismo por onde quer que passemos e mais que isso, perceber uma oportunidade em tudo para sermos pessoas melhores.


Embora tivemos um esforço diferente para conduzir nosso barco em águas ora agitadas e ora serenas, estamos aqui, acreditando em um amanhã melhor sendo melhores para o mundo.


O amor que tudo pode, da banda Falamansa, fala da nossa fé na esperança, que caso estejamos passando por algum dessabor é para reconhecermos o valor do mel.


O clipe oficial dessa música maravilhosa traz uma pitada muito criativa de humor. Que me colocou ainda para refletir sobre o que eu estou deixando vibrar dentro de mim através notícias eu tenho recebido. Acredito que esse clipe por si nó nos mostra que nós podemos transformar a energia da nossa casa através do que deixamos entrar nela pela televisão.


Cada vez mais eu tenho utilizado menos este aparelho, e das vezes que os faço é para ver coisas construtivas.


Portanto, eu desejo que elevemos o nosso pensamento à vibração positiva da vida, tenhamos gestos generosos , não estamos sós e podemos superar qualquer obstáculo.


Como diz a canção, o amor que tudo pode está em nós, vibra no nosso peito, só precisamos reconhece-lo.





27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ritmus